FANDOM


ConchitaDevoradora
NND / YT (legendado)
Original 悪食娘コンチータ
Romaji Akujiki Musume Konchiita
Inglês Beelzebub party
Tradução Festa de Belzebu
Cantada por MEIKO
Kagamine Rin/Len (back-up)
Lançamento 3 de março de 2009
Colaboradores Ichika (ilustrações)
Cronologia
Série Sete Pecados Capitais
Antecessor Flor do Planalto
Sequência Drug of Gold

Conchita, a Devoradora Repulsiva é uma canção lançada por Akuno-P em 3 de março de 2009. Ela é parte da Saga dos Pecados Capitais, representando a Gula.

EnredoEditar

A história começa com Banica Conchita, a duquesa de Belzênia, comendo um jantar que iria fazer uma pessoa comum adoecer. Conforme a canção continua, ela explica como Banica já comeu apenas as comidas mais finas e requintadas, mas seu paladar evoluiu e agora ela deseja algo novo e grotesco a cada dia, até o ponto de comer veneno e a própria louça. Ela é servida por um casal de empregados que exigem que os outros a louvem e respeitem.

Quando seu décimo quinto chefe pede por férias, Banica fica irritada. Mais tarde, ela devora um jantar especial com cabelo azul como aperitivo para a salada. Ainda não satisfeita, ela devora seus dois empregados. Quando tudo na mansão se foi, ela finalmente come a si mesma. No final, a canção nota que embora ela tenha provado as comidas mais podres, ninguém vai saber qual gosto ela tinha.

LetraEditar

「さあ、残さず食べなさい」

腐臭漂う背徳の館
今日もはじまる最後の晩餐
身の毛もよだつ料理の数々
ひとり食い漁る女の笑顔

彼女の名前はバニカ・コンチータ
かつてこの世の美食を極めた
その果てに彼女が求めたのは
究極にして至高の悪食

(敬い称えよ
われらが偉大なコンチータ
この世界の食物は
全てがあなたの為にある)

食らい尽せこの世のすべて
胃袋にはまだまだ空きがある
青白く輝く猛毒
メインディッシュのスパイスに最適♥

骨の髄までしゃぶり尽せ
足りなければ皿にもかぶりつけ
舌先を駆け巡る至福
晩餐はまだまだ終わらない

今年に入って15人目の
お抱えコックがこう言ってきた
「そろそろお暇を貰えませんか?」
まったく使えぬ奴らばかりね

(敬い称えよ
われらが偉大なコンチータ
裏切り者には
報いを受けていただきましょう)

食らい尽せこの世のすべて
今日のメニューは特別製なの
青白く輝く毛髪
オードブルのサラダに丁度いい♥

骨の髄までしゃぶり尽せ
足りなければ「おかわり」すればいい
ちょっとそこの召使さん
あなたはどんな味がするかしら?

いつしか館はもぬけのからに
何にもないし 誰ももういない
それでも彼女は求め続けた
究極にして至高の悪食(あくじき)

「残したら、怒られちゃうもの」

食らい尽せこの世のすべて
彼女は自らの右手を見て
そして静かにほほ笑んだ

「マダ タベルモノ アルジャナイ」

コンチータの最後の悪食
食材はそう 彼女自身
食を極めたその身体の
味を知るものはすでにいない

"Saa, nokosazu ni tabenasai"

Fushuu tadayou haitoku no yakata
Kyou mo hajimaru saigo no bansan
Mi no ke mo yodatsu ryouri no kazukazu
Hitori kuiasaru onna no egao

Kanojo no namae wa BANIKA KONCHIITA
Katsute kono yo no bishoku wo kiwameta
Sono hate ni kanojo ga motometa no wa
Kyuukyoku ni shite shikou no akujiki

(Uyamaitataeyo
Warera ga idai na KONCHIITA
Kono sekai no shokumotsu wa
Subete ga anata no tame ni aru)

Kuraitsukuse kono yo no subete
Ibukuro ni wa madamada aki ga aru
Aojiroku kagayaku moudoku
MEIN DISSHU no SUPAISU ni saiteki♥

Hone no zui made shaburitsukuse
Tarinakereba sara ni mo kaburitsuke
Shitasaki wo kakemeguru shifuku
Bansan wa madamada owaranai

Kotoshi ni haitte juugoninme no
O-kakae KOKKU ga kou itte kita
"Sorosoro o-hima wo moraemasen ka?"
Mattaku tsukaenu yatsura bakari ne

(Uyamaitataeyo
Warera ga idai na KONCHIITA
Uragirimono ni wa
Mukui wo ukete itadakimashou)

Kuraitsukuse kono yo no subete
Kyou no MENYUU wa tokubetsusei na no
Aojiroku kagayaku mouhatsu
OODOBURU no SARADA ni choudo ii♥

Hone no zui made shaburitsukuse
Tarinakereba "okawari" sureba ii
Chotto soko no meshitsukai-san
Anata wa donna aji ga suru kashira?

Itsu shika yakata wa monuke no kara ni
Nani mo nai shi dare mo mou inai
Sore de mo kanojo wa motometsuzuketa
Kyuukyoku ni shite shikou no akujiki

"Nokoshitara, okorarechau mono"

Kuraitsukuse kono yo no subete
Kanojo wa mizukara no migite wo mite
Soshite shizuka ni hohoenda

"MADA TABERU MONO ARU JA NAI"

KONCHIITA no saigo no akujiki
Shokuzai wa sou kanojo jishin
Shoku wo kiwameta sono karada no
Aji wo shiru mono wa sude ni inai

Canções RelacionadasEditar

Mestra do CemitérioEditar

Mestra do Cemitério mostra Banica após devorar-se, tomando a posição do demônio e tornando-se o novo Mestre do Cemitério no Teatro do Mal.

Sete Crimes e PuniçõesEditar

A gula de Banica é mostrada em Sete Crimes e Punições, com a duquesa dizendo que até mesmo o mundo irá um dia se dissolver no ácido de seu estômago.

Drug of GoldEditar

Drug of Gold fala sobre a vida do décimo quinto cozinheiro de Banica mencionado na canção, detalhando suas razões para ser empregado por ela, sua tentativa de fuga e morte.

O Garoto do Fim, HänselEditar

O Garoto do Fim, Hänsel menciona o serviço de Hänsel à Banica como Pollo.

ApariçõesEditar

GaleriaEditar

TríviaEditar

Conceito e OrigemEditar

  • O nome em inglês da música, Beelzebub Party (Festa de Belzebu), é uma referência ao demônio Belzebu que, de a cordo com a religão católica, é a personificação do pecado da Gula; esse título também é referenciado no título em inglês de Mestra do Cemitério, Graveyard Party (Festa no Cemitério)
  • O nome de Banica é um anagrama da palavra latina caniba, que significa "canibal".

CuriosidadesEditar

  • Como as outras canções na Saga dos Sete Pecados Capitais, o PV começa com a frase "さあ" Saa.
  • No PV original, era mostrado um cardápio detalhando as refeições de Banica após cada refrão. Conforme ela canibaliza seus empregados, as comidas listadas são censuradas.
    • ​As refeições listadas nos dois primeiros cardápios fazem várias piadas e referências ao fandom de VOCALOID, a História do Mal e outras comidas ou objetos.
  • O PV original mostra créditos para os "funcionários" no final do vídeo, creditando Gackpo como o "Cara das Tarefas", referenciando o papel de Gammon Octo no Teatro do Mal.
  • A canção foi rearranjada por mothy para melhorar os vocais do original, chamado "Conchita, a Devoradora Repulsiva (revisado)"; o novo PV icluiu uma linha do tempo após cada refrão detalhando a vida de Banica.
  • Outro rearranjo da música foi lançado para promover o lançamento do romance Filha do Mal: Praeludium Vermelho, intitulado "Devoradora Repulsiva de Belzênia", um instrumental incluído em Quatro Melodias do Mal ~Coleção de Canções da Filha do Mal~.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.